domingo, 31 de maio de 2009

Gêmeos

Gêmeos
Sexy semelhança

Por motivos que não cabe discutir aqui, sexo endogâmico é uma fantasia antiga que encontra confirmação no clássico Édipo Rei, de Sófocles, entre mãe e filho - um assunto tão melindroso que terminou em tragédia. Sabe-se que apenas uma pequena parte dos textos escritos na antiguidade chegaram até o presente, talvez não seja especular demais supor que tenha se perdido, entre eles, algum que envolva sexo entre irmãos gêmeos. Esta matéria abordará, apenas, sexo nos filmes pornôs gays estrelados por gêmeos idênticos (univitelinos) depois de ter sido constatado o crescimento do número deles atuando em filmes de forma bem sucedida. A atual geração de múltiplos logo estará chegando à idade de fazer sexo e filme, nesta ordem, na ordem inversa ou tudo ao mesmo tempo. Sem dúvida este assunto interessa os pais que desejam assistir a carreira dos filhos e também interessa a quem deseja levar alhures alguma discussão sobre o incesto fraterno na extensa escala da indústria pornô.Sexo entre gêmeos idênticos é um fato que, ao ser posto diante do que propôs Richard von Krafft-Ebing (1840 - 1902), o médico aleo que forjou a palavra homossexualidade para descrever e classificar o intercurso sexual entre parceiros do mesmo gênero sexual, pede a adição do sufixo ultra para diferenciar uma situação capaz de ser mais homo do que o sexo entre os iguais: o sexo entre os idênticos. A ultra-homossexualidade deve ter existido desde sempre na natureza, contudo, desde os anos 1970, ela se encontra documentada também na cultura, em vários filmes pornôs gays que este blog recomenda para o prazer do leitor pornófilo. O estudo dos filmes permitiu distinguir três tipos de ultra-homossexualidade, a primeira pode ser classificada de direta por apreserntar de coito entre dois ou mais irmãos gêmeos idênticos. A segunda pode ser classificada de indireta por apresentar um parceiro fazendo o papel de ativo ou de passivo para dois ou mais gêmeos idênticos. A terceira pode ser classificada de composta, pois reune todas as possibilidades de sexo com dois ou mais gêmeos idênticos. Em qualquer área da pesquisa ou do espetáculo, estes filmes recomendados aqui permitem enfoques variados.

Comecemos pelo exemplo mais próximo, os gêmeos brasileiros, cariocas, Caio e Carlos Carvalho. Lançados ao estrelado pela produtora yankee naturalizada brasileira, a AMG Brasil, eles podem ser vistos nos filmes Gêmeos (2006), Suruba: Bronze (2006) e Fazenda (2007), todos dirigidos por Denis Bell. Exclusivamente ativos, de pau médio e rigidez titubeante, a falta de versatilidade os deixa insossos em cena, dizem ter a profissão salva-vidas, por estarem acima do peso podem funcionar como bóias. Fizeram uns filmes praieiros, condizente com aspecto mareado da dupla. A atuação dos Carvalho sempre ficou aquém do desejado se comparados a qualquer dupla de gêmeos da atualidade. Só para ficar num exemplo, em Suruba: Bronze eles não se dignam a fazer uma reles dupla penetração no poposudo Mauro Reis, papel que parecia destinado a eles por todas as vias. Mas na hora H foram Lucas Ramiro e Léo Passos quem salvaram a qualidade de uma suruba que não é de ouro nem de prata, é bronze. Pelo fraco desempenho dos dois a falta deles não foi sentida nas recentes produções da AMG Brasil (Rio, Carnaval e Suruba: Azul). Dennis Bell está no Brasil para fazer filmes e ganhar reconhecimento com eles aqui e no resto do mundo e, com tal intuito, faz os filmes de sexo mais convencional possível para não fugir do padrão dos festivais que distribuem prêmios. Mas nem esses padrões, tão pouco ambiciosos, os gêmeos Caio e Carlos Carvalho conseguiram alcançar. Fora eles, não há notícia de outra penca de gêmeos brasileira nos filmes pornôs gays.

A dupla de gêmeos mais antiga da qual se tem notícia fazendo filmes pornôs gays são Tim Christy e Christopher Christy, dois loiros americanos que apareceram em sete títulos catalogados, muitos deles esgotados, produzidos e lançados entre os anos de 1975 e 1987 pelas produtoras Entertainment, P.M. Productions, Mustang e Falcon. Os dois atuaram com o lendário diretor Tom Desimone em Everything Goes (1975) e Heavy Equipment (1977), um filme que também apresenta no elenco o não menos lendário Jack Wrangler, falecido recentemente. Jack e os Christy fazem um tricotê num toalete masculino, daqueles especiais que tem glory hole na cabine. Os gêmeos Christy também ocupam funções técnicas em Heavy Equipment e Tim Christy pode ser visto sem o irmão em Catching Up (1975). Os outros títulos atribuídos à dupla foram School's Out (Mustang Pac 4, 1983 - 1986), Fist Full (Falcon Studios, Falcon Pac 43, 1985), dirigido por Bill Clayton, Round Up (Falcon Studios, Falcon Pac 38, 1984) e Take Ten (Falcon Pac 39, 1987).

A Bijou Vídeo lançou um DVD chamado Twins, uma compilação de cenas de sexo gravadas entre os anos de 1980-1987 feitas pelos Christy Twins e por outra parelha de gêmeos chamada O´Brian Twins (Sean e Tim). A única cena dos O´Brian que chegou até o presente tem aproximadamente 17 minutos e mostra os extremos a que pode chegar as relações entre irmãos, de competição a colaboração. Os dois começam uma lutinha que termina em fodinha num ambiente que pode ser perfeitamente a sala da casa dos pais deles. Todos estes filmes devem ser vistos por aqueles que apreciam o estilo pornô gay vintage com gêmeos.

Oscar e Gabriel Perón são dois gêmeos espanhóis que, entre outras publicações, posaram para as revistas Men (junho/1998), Honcho (julho/1998 e julho/2000) e Mandate (agosto/1998). Também fizeram filmes para a produtora Men of Odyssey em1998: Hard Body 2000, dirigido por Chi Chi LaRue; Twins, dirigido por Anthony Londano e Ryker's Revenge, dirigido por Jim Stell, filme premiado no GayVN de 1999 pela melhor cena de sexo grupal e pelos melhores extra. Ryker's Revenge é uma bem cuidada produção, com um bom e raro roteiro no qual um dos personagens é um crítico chato de filmes pornôs. É um metapornô, com o louraço Ken Ryker no papel principal. Numa cena de ofurô ele sodomiza, com a jeba imensa que lhe deu notoriedade, os dois irmãos Perón empoleirados, uma posição anatômica, que permite ângulos de enquadramento sensacionais. Talvez tenha sido neste filme que a posição “dupla de gêmeos empoleirados” foi usada pela primeira vez. Com o sucesso eles adicionaram o nome da produtora aos seus e se tornaram os “Odyssey Twins”. Tudo parecia bem mas depois desses filmes não se soube mais notícias de Oscar e Gabriel Perón.

Um exagero em quantidade de idênticos foi o aparecimento dos Visconti Triplets, Joey, Jason e Jimmy, nos filmes da Bel Ami Online. Eles são o que toda produtora de filme pornô gay sempre quis ter para levar as vendas à estratosfera. Talento triplicado, tri-bonitos, tri-gostosos, tri-versáteis, no começo da carreira só comiam, contudo Jason e Jimmy não agüentaram a pressão e capitularam. Eles já podem ser vistos levando tromba, em cima de uma mesa de jogo. Na mesma sequência também levam um dildo de duas cabeças de uma forma muito semelhante ao que foi feito por outra dupla de gêmeos, os irmãos Fabrizio e Fernando Mangiatti (Daniel Lautrec e Jean Lautrec), em Cruising Budapest V: The Mangiatti Twins (Lucas Entertainment, 2007). Talvez deva ser atribuída a estes dois e aos colaboradores Steve Hunt, ator, e Michael Lucas, o diretor, os dois parceiros ativos dessa sequencia, a originalidade da criação dessa engenhosa dupla penetração com dildo de duas cabeças em gêmeos.
O filme em que Jason e Jimmy Visconti fazem papel de passivos pela primeira vez diante das câmeras já está sendo distribuído pelo website Visconti Triplets, uma divisão exclusiva do Elite Male Studio, a produtora onde eles foram trabalhar desde que encerraram a rápida passagem pela Bel Ami. Contudo os dois filmes que realizaram lá, Brotherhood Secrets e Shameless BoyToys (Elite Male, 2008), dirigidos por Joe Budai, não possuem os atributos que os classifique além de três estrelas, uma para cada um dos irmãos. A produtora Bel Ami, por sua vez, na falta dos Visconti, resolveu contratar uma dupla de gêmeos substituta, eles se chamam Elijah Peters e Milo Peters, são bonitos, gostosos, versáteis e muito, muito safados. Os dois fizeram Cyber Games (Falcon International/Bel Ami Online) dando a bundinha lindamente para Tony Eliott e levando muita porra na cara e na boca. Dirigido por Rolf Hammerschmidt, Cyber Games é um filme cuja direção de arte e edição se esmeraram para dar unidade a vários episódios curtos feitos para internet. Os gêmeos Peters também podem ser vistos em filmes curtos online dirigidos por Lukas Ridgeston; um deles se chama Twins Elijah e Milo Peters fodem Dario Dolce; e há um outro em fase de finalização, ainda sem título, para ser lançado em junho próximo. Em Sex Buddies (2008) Elijah Peters e Milo Peters aparecem dando gostoso para Sebastian Bonnet e Luke Hamill.

Os irmãos Daniel Lautrec e Jean Lautrec são dois húngaros que apareceram em 2005 nos filmes Double Agent, dirigido por Csaba Borbely (Diamond Pictures, 2005) e The twins: Les jumeaux (Body Prod, 2005), dirigido por Herve Bodilis. Em apenas quatro anos de atuação profissional saíram das pequenas produtoras onde estrearam e fizeram filmes para as grandes Bel Ami (Flings 2) e Lucas Entertainment (Cruising Budapest - partes I, V e VI). A lista de títulos em que a dupla aparece já está chegando à vintena, com esse número eles podem se tornar os mais profícuos gêmeos da história do pornô gay. Além da incrível semelhança física eles causam confusão na platéia devido à constante mudança de nomes. Daniel Lautrec (com uma pequena tatuagem em cada ombro) já apareceu com os seguintes nomes: Fabrizio Mangiatti, Fabrizion Mangitalli, Fabrizio Mangiati, Fabrizio Mangiotti, Fabriziano Mangiatti, John Harris, Fabrizio Manchiatti, Alex Lynch, Daniel Lautrec, James LaCroix e Farbizio. Jean Lautrec (com uma grande tatuagem no ombro) já apareceu com os seguintes nomes: Maurizio Mangiati, Maurizio Mangiotti, Fernando Mangiatti, Fernando Mangitalli, Ian Lynch, Jean Lautrec, Jack LaCroix, Maurizio, Colin Harris e Maurizio Manchiatti.

Produtividade tão alta quanto a dos irmãos Daniel Lautrec e Jean Lautrec é a dos irmãos Alan Fisher e Alex Fisher que fazem filmes para o Miami Studios, cuja “Gemini Series” é uma campeã de audiência. Em Twins 3.0 (2007) a produtora reúne outra dupla de gêmeos chamada Hawke Twins. Tanto os irmãos Fisher quanto os Hawke têm talento e podem dar mais, contudo o nível das produções do Miami Studios é muito baixo para permitir a exploração de tanto talento dobrado.

No gênero bareback há Fucking Twins (Gordi Films, 2007), uma produção suíça dirigida por Gordon. A Gordi é uma nova produtora especialista no gênero bareback juvenil já com alguns títulos à venda. Milan Breeze é um repórter que sai à rua em busca de rapazes que aceitem fazer cenas de sexo nos filmes da produtora. Encontra vários, entre eles os irmãos gêmeos Jonny e Tommy Nero. Os dois aceitam o papel e são tratados de forma inclemente pela pica do tal repórter. Eles executam uma antológica cena de “dupla de gêmeos empoleirados”. Infelizmente não há outros filme desta dupla.

O veterano diretor William Higgins, autor de tantas obras memoráveis, é um especialista na temática do sexo endogâmico. Em Brother Load (Laguna Pacific, Catalina, 1983), filme com os irmãos Paul Madison e Bobby Madison, Joe Hardy e Tim Hardy, o diretor norte-americano explora a atração delicada entre irmãos mais velhos e mais novos. Este ano ele lançou Double Czech 2009 (William Higgins Productions, 2009), com os irmãos Konrad e Adam Richter, dois jovens magrelos, ainda desengonçados, que estão fazendo o seu primeiro filme, portanto o desempenho deles não pode ser julgado como se fossem veteranos. Eles começam a fita se aquecendo nuns aparelhos de musculação. A ação evolui para umas intimidades mornas, com uma primeira punheta recíproca. O diretor coloca um coadjuvante, Nikolas Rezac, para as intimidades evoluírem, então eles fazem sexo oral. Na terceira sequência os gêmeos Richter dão para o delicioso Bjorn Gedda que come os dois da forma consagrada “dupla de gêmeos empoleirados”. Eles terminam transando entre si na última sequência.

Double Czech 2009
é uma versão atualizada de Double Czech (All Worlds Video, 2000) - tipos de filmes onde os gêmeos são os astros. Com direção de Wim Hoff, a.k.a. William
Higgins, e estrelado pelos irmãos gêmeos, idênticos, Jirka e Karel Bartok. Passivões, os dois fazem a posição “dupla de gêmeos empoleirados” para dar para três no meio do mato. Na última sequência fazem sexo bareback num ambiente adequadamente doméstico e católico. Sem dúvida esta é uma das sequências mais íntimas do pornô gay desde a filmagem de dois polvos machos transando no fundo do mar em Out in Nature: Homosexual Behaviour in the Animal Kingdom (2001), o documentário dirigido por Stéphane Alexandresco e Bertrand Loyer. A cena final de Double Czech está ausente em algumas versões comercializadas do filme, o que prejudica sua unidade narrativa, também denuncia métodos de filtragem de conteúdo no pornô gay e interesses mercadológicos escusos. Os irmãos Bartok ainda podem ser vistos atuando nos filmes The Jan Dvorak Story (William Higgins Productions, 2001) e A Wank in the Woods (William Higgins Productions, 2001), do mesmo diretor. Em The Jan Dvorak Story eles dão empoleirados para ninguém menos do que o super-desejado Jan Dvorak (a.k.a. Pavel Novotny). A Wank in the Woods é um filme de somenos interesse, sem sexo, mostra 15 marmanjos batendo punheta no meio do mato.
Com tantas ocorrencias de gêmeos nos filmes pornôs gays não foi possível encontrar nenhum caso de negros ou orientais. Também foi pequena a dupla penetração de gêmeos ativos em passivos - uma apenas, dos Visconti Triplets. Entre humanos, apenas 1 em cada 250 nascimentos é de gêmeos idênticos. Esta sexy semelhança não é fácil de encontrar. Ainda mais difícil é que sejam gays, bonitos, gostosos e façam filmes pornôs. Mas a obstinação e a capacidade de persuasão das produtoras, aliadas ao prazer de fazer sexo para as câmeras explica a surpreendente abundância deles, o que torna a pesquisa do assunto deliciosamente exaustiva. Vê-los em ação é confuso e é difícil identificar quem é quem. Com a população cada vez maior e a vergonha no mundo cada vez menor, o espetáculo dos gêmeos fazendo sexo talvez esteja apenas começando.


Saiba mais:

18 comentários:

  1. Que alegria de ler um post novo!

    Muito legal, Bóris! Alguns eu já vi, outros vou providenciar já já!

    Obrigado!

    ResponderExcluir
  2. sinto me tao mais inteligente lendo uma materia sua! obrigado!

    ResponderExcluir
  3. Sururucucu12:35 PM

    Gêmeos, trigêmeos? Gozo só em pensar, pois nunca provei esse prazer dobrado.

    ResponderExcluir
  4. ei gato
    adorei seu blog e queria ser seu parceiro
    visita lá e comenta...

    http://www.pegosnacam.blogspot.com

    beijos!

    ResponderExcluir
  5. Anônimo1:13 AM

    Mais um texto do caralho!

    Parabéns.

    ResponderExcluir
  6. André11:34 AM

    Se for pra rolar com esse gêmeos ai eu topo, mas com meu irmão nem pensar. Ótimo post.

    ResponderExcluir
  7. sabichona1:27 PM

    Eu quero filme pornô gay com trigêmeos siameses católicos. Sabe onde encontro?

    ResponderExcluir
  8. Houve gêmeos negros sim: Carlos Luiz & Luiz Carlos Mendez que participaram de 'Caribbean Heat' do Kristen Bjorn. Trocaram um beijo neste filem.

    ResponderExcluir
  9. Trocaram um beijo inclusive neste filme.

    ResponderExcluir
  10. Fabricio10:58 AM

    negros há os gemeos keyon e teyon...

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. Sou uma transex gaucha de 25 anos, moro em Poa - RS e to simpismnete (brevemente)apaixonada por esse porncult expressado por vcs do blog! Eu amo sexo entre maxos e só nesses dias percebi q filme porno gay pod ser mais q ejaculaçao, mas a expressao em arte q representa um desejo de vida de varios! Desejo todo sucesso do mundo pra vcs e q continuem externando todo esse conteúdo de vcs com excelencia! Mil bejus e concideraçoes de Alessa

    ResponderExcluir
  13. Qeru tbm dizer q adoro e sou muito exitada em incesto entre maxos! e adoraria mais materias
    desse genero! mais uma vez, muito sucesso! Bjusss

    ResponderExcluir
  14. Anônimo6:44 PM

    Ola, Por favor vc poderia disponibilizar o nome do filme dos visconti triplets que eles fazem dupla penetração.
    Obrigado desde já, e agradeço o seu site super cult porn.

    Té mais

    ResponderExcluir
  15. amo o site parabens vcs sao perfeito bjss

    ResponderExcluir
  16. Parabéns pela matéria, por sinal muito bem feita.
    virilidade.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. Anônimo8:32 AM

    Excelente matéria, parabéns!!!

    ResponderExcluir
  18. Anônimo3:37 PM

    Sou gêmeo e já transei com meu irmão!!!

    ResponderExcluir

Leu? Agora comente... e divulgue também!